Roteiros Viagens

5 motivos para se apaixonar pela Provença

Neste post eu citei 5 motivos para se apaixonar pela Provença, mas na realidade existem milhares de motivos! Como não se apaixonar por essa região, onde a natureza conservou um aspecto rústico e selvagem? A vegetação é exuberante, o céu é sempre azul e o cheiro de ervas e flores silvestres invade as narinas indicando que você está no Sul da França.

Conhecida especialmente por seus campos de lavanda, a Provença também tem castelos, vilarejos medievais, colinas, vinhedos, casinhas de tijolinhos, penhascos e rios de águas cor de esmeralda. Toda essa riqueza de belezas arquitetônicas e naturais faz da região uma das mais visitadas da França.

 

os 5 motivos para se apaixonar pela Provença

 

Se você está planejando uma viagem para a França, não pode deixar de incluir a Provença no seu roteiro. O ideal é reservar pelo menos 4 dias e alugar um carro para conseguir visitar as principais cidades. Isso porque grande parte dos encantos da região estão nas cidadezinhas e vilarejos, onde o acesso sem carro é mais complicado. Saiba mais sobre os valores do aluguel de carros na França.

Eu fiz uma lista de 5 motivos que, na minha opinião farão você se apaixonar pela Provença e querer voltar muitas vezes à região mais bonita da França.

1 . A Luz da Provença deixa tudo mais bonito

É difícil explicar ou descrever em palavras, mas não existe luz mais bonita que a luz da Provença. O Sul da França sempre me fascinou, seja pelos relatos que ouvia de pessoas que haviam visitado, ou pelo fato de tantos artistas terem se inspirado nessa bela região para pintar seus quadros. Entretanto, só pude sentir e entender o que era essa tal atmosfera provençal que todos falavam quando fui para lá pela primeira vez.

 

Van Gogh na Provença, França

Amandier en Fleur, Van Gogh – Pintado em fevereiro de 1890 em Saint-Rémy-de-Provence.

 

A luz da Provença realça cores e constrastes e deixa tudo mais bonito. Não é atoa que ela atraiu a atenção de pintores como Van Gogh, Picasso e Cézanne, e os inspirou de diversas formas em suas pinturas. O estilo de vida provençal é muito diferente do das cidades grandes como Paris, por exemplo. No Sul da França os dias são ensolarados e azuis quase todos os dias do ano. A vida é mais leve, as pessoas sorridentes e os tons de ocre e terracota parecem criar uma atmosfera morna e agradável.

2 . As pessoas parecem mais felizes na Provença

O clima influencia muito nosso estilo de vida e nosso humor. Como citei, o estilo de vida provençal não tem nada a ver com o estilo de vida parisiense. No Sul, as pessoas sorriem para você na rua, dão bom dia e são extremamente gentis e acolhedoras. Eu amo Paris, do fundo do meu coração, mas conviver com o mal humor dos parisienses as vezes é bem cansativo. Como alguém pode ser mal-humorado vivendo na Cidade Luz? Vai entender…

Na Provença todo mundo parece estar sempre feliz e com certeza, parte disso se deve ao fato de que a região é uma das mais ensolaradas da França – são mais de 300 dias de sol durante o ano. Mesmo que você visite a região no inverno, desfrutará de lindos dias azuis.

3 . Campos de lavanda a perder de vista

Vocês com certeza já viram no Instagram fotos surreais dos belos campos de lavanda da Provença. A flor, também conhecida como alfazema, é símbolo da região provençal e atrai milhares de turistas e blogueiros de viagem em busca da foto perfeita. A melhor época para ver os campos floridos é entre junho e julho, quando ocorre a floração.

 

Visitar campos de lavanda na Provença, França

 

Para conhecer a região da Provença e explorar a rota da lavanda, a cidade Aix-en-Provence é a melhor escolha. Localizada a 25km do aeroporto Marseille Provence e à 18km da estação Aix-TGV – onde chegam os trens vindos de Paris – a cidade oferece inúmeras opções de hospedagem, assim como uma grande variedade de restaurantes, lojas e opções culturais. Aix é também ideal para quem deseja conhecer a região carro, pois está estrategicamente localizada e próxima a diversas outras cidades.

Durante a primavera, em diferentes vilarejos acontece um famoso festival todos os anos chamado Fête de la Lavande (Festa da Lavanda), em comemoração à colheita das flores. Para saber as datas e horários não deixe de consultar o site dos escritórios de turismo (office du tourisme) locais antes de organizar sua viagem.

4 . As mais belas cidades da França ficam na Provença

A primeira impressão que temos quando visitamos a Provença é que estamos em um cenário de filme. Aliás, muitos filmes franceses foram filmados na região provençal.

Basta percorrer alguns vilarejos locais para se sentir imediatamente transportado para dentro de um conto de fadas! Só na região da Provença ficam 17 dos mais de 150 vilarejos classificados como os mais belos da França: Gordes, Roussillon, Moustiers-Sainte-Marie, Ansouis, Les Baux-de-Provence, entre outras.

 

Os belo Vilarejos da Provença

 

Passando pelas ruas de Saint-Rémy-de-Provence, Arles ou Ménerbes, até o castelo de Cucuron e o Palais des Papes em Avignon, a Provença não apenas inspirou grandes artistas da pintura, mas também muitos cineastas em busca de paisagens idílicas.

5 . Os excelentes vinhos provençais

Se você é um amante de bons vinhos, não deixe de explorar a rota dos vinhos da Provença, na qual você poderá visitar os maiores vinhedos da região. Os vinhos provençais são bem variados e conhecidos pelo seu aroma único e sabor delicado.

No vilarejo de Ménerbes, por exemplo, você encontrará o Musée du Tire-Bouchon (Museu do Saca-rolhas, em português), pertencente ao vinhedo Domaine de la Citadelle. O museu possui uma coleção privada de mais de 1.200 saca-rolhas de todo o mundo, com peças datadas do século XVII até peças mais modernas.

Além do museu, você também poderá visitar o vinhedo, conhecer mais sobre os tipos de uvas produzidas na região e degustar alguns vinhos. O Domaine de la Citadelle fica no departamento de Vaucluse, onde também se encontram as cidades Gordes Roussillon, ambas classificadas na lista dos mais belos vilarejos franceses.

Dicas e informações úteis

 

Paisagens lindas na Provença

 

Qual a melhor época para ir?

Na Provença o clima não é um problema! A região é uma das mais ensolaradas da França (mais de 300 dias de sol durante o ano). Mesmo que você visite a região no inverno, com certeza desfrutará de lindos dias azuis. Se você quer fugir da multidão de turistas, minha dica é evitar os meses de verão, pois é a época mais cheia.

Como chegar à Provença?

Há duas maneiras de chegar à Provença saindo de Paris: pelo aeroporto de Marseille Provence ou de trem, pela estação Gare Aix-TGV de Aix-en-Provence. Eu sugiro a segunda opção, pois viajar de trem é bem mais prático e Aix é a localização ideal para visitar outras cidades e seguir a rota da lavanda.

Outra opção de ponto de chegada é Avignon, igualmente acessível de trem saindo de Paris e com uma oferta de hospedagens mais baratas comparadas à Aix.

Onde se hospedar e o que comer?

Minha dica para quem quer gastar menos sempre é o aluguel de apartamentos pelo Airbnb. Além de economizar com a hospedagem, você também economiza com a parte de alimentação, pois tem a possibilidade de preparar sua própria comida.

Outra coisa que sempre recomendo é fazer algumas exceções durante a viagem e comer em um bom restaurante francês pelo menos uma vez, pois a culinária também faz parte da descoberta cultural de um país.

Nos demais dias, aconselho preparar sua própria comida, ou comer em lugares mais simples. As padarias francesas, ou boulangeries, têm muitas opções de sanduíches, além de saladas e quiches por um preço ótimo (4,50€ em média por um sanduíche na baguete ou 8,50€ o sanduíche mais bebida e sobremesa).

 

belezas naturais da Provença

 

To do list Provença

✽ Tomar soverte de lavanda

✽ Assistir ao pôr do sol em um campo florido

✽ Visitar ArlesSaint-Rémy-de-Provence, cidades que inspiraram as obras de Van Gogh

✽ Tirar fotos em um campo de girassóis

✽ Visitar as Calanques de Cassis e as Gorges du Verdon

✽ Fazer o intinerário de Cézanne em Aix-en-Provence

✽ Visitar os campos de lavanda em Valensole

Flâner pelas ruelas de Moustiers-Sainte-Marie, pequeno vilarejo provençal escondido entre escarpas rochosas

✽ Visitar Roussillon e se encantar com sua paleta de cores em tons de ocre e terracota

✽ Comprar mel de lavanda (delicioso) para levar um gostinho da Provença com você

NÃO DEIXE DE LER TAMBÉM:

O que fazer em Paris: roteiro para 3 dias

Visita ao Louvre: como preparar um roteiro

 

 

 

 

Leave a Reply