Viagens

Cidades próximas de Paris: conheça 5 destinos imperdíveis

Que tal deixar sua viagem para Paris ainda mais legal conhecendo algumas cidades próximas da capital francesa? Se você busca fugir um pouco dos passeios convencionais e deseja conhecer mais um pedacinho da França, há 5 cidades próximas de Paris que você pode visitar em um bate e volta ou um fim de semana.

A França possui uma excelente rede ferroviária, com caminhos de ferro que percorrem todo o país. É possível visitar todas as principais cidades francesas usando apenas o trem. Próximo à Cidade Luz há muitas cidades e vilarejos encantadores que valem uma visita, ainda que rápida.

 

Que tal visitar algumas cidades próximas de Paris?

 

Só na região de Île-de-France, onde está localizada a capital francesa, é possível conhecer diferentes cidades próximas de Paris – cada uma mais linda que a outra – usando apenas o transporte público: Versalhes, Saint-Germain-en-Laye, Vincennes, entre outras. E por falar em transporte público, se você ainda não sabe usar o metrô em Paris, não deixe de ler Transporte público em Paris: guia prático.

Mas, hoje nós vamos ir um pouquinho mais longe e conhecer 5 cidades que ficam no máximo a 2 horas e meia de Paris, facilmente acessíveis de trem e que vão fazer você ter vontade de voltar muitas outras vezes para conhecer melhor a França.

Primeira parada: Reims, a capital do champanhe

Reims é uma cidade do Nordeste da França, situada na região de Champagne-Ardenne, o único lugar do mundo onde se produz o verdadeiro champanhe. A cidade é classificada como Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO e possui diversos sítios históricos, além de uma riqueza cultural e arquitetônica inestimáveis.

Uma das principais atrações é a catedral Notre Dame de Reims, que se destaca por sua arquitetura gótica e por seus maravilhosos vitrais. Grande parte da cidade foi totalmente destruída durante a Primeira Guerra Mundial e reconstruída  no melhor estilo Art Déco.

Como chegar?

Reims fica a apenas 45 minutos de Paris. Você pode pegar o TGV (train de grande vitesse ou trem bala) na Gare de l’Est e ir até a Gare Reims-Centre, localizada no centro da cidade. Outra opção é ir até a Gare Champagne-Ardenne TGV, que fica há mais ou menos 8 km de Reims, e em seguida pegar o tramway (bonde) até o centro.

Passeio imperdível!

Reims tem um dos mercados de Natal mais visitados da França, o famoso Marché de Noël de Reims. Esse ano o mercado começa no dia 21 de novembro e funcionará até dia 28 de dezembro no pátio da catedral Notre Dame de Reims. Caso você venha para Paris durante o inverno, é um excelente passeio. Os mercados natalinos na França são ao ar livre e contam com muitas atrações, comidas típicas, espetáculos e muito mais.

Apaixone-se por Giverny, a cidade de Monet

 

Cidades próximas à Paris, Giverny

A casa de Monet e o belo jardim que inspirou o pintor em suas obras / Foto: Unsplash

 

A encantadora cidade onde viveu o pintor impressionista Claude Monet fica à apenas 1h de trem de Paris. Além da Fondation Claude Monet, onde ficam a antiga casa do pintor e seus belíssimos jardins, não deixe de visitar o Musée des Impressionnismes.

Alguns pontos turísticos de Giverny:

  • a casa e o jardim de Claude Monet,
  • os ateliês de outros pintores impressionistas, localizados ao longo da Rue Claude Monet,
  • o antigo hotel Baudy, um dos centros artísticos da cidade,
  • a igreja  de Giverny,
  • o museu do impressionismo (Musée des Impressionnismes),
  • o cemitério onde Monet está enterrado.

Como chegar?

Em Paris, na Gare Saint-Lazare, pegue o trem em direção à Vernon. Em frente a Gare de Vernon há um serviço de translado para Giverny. Fique atento, pois os horários do ônibus costumam ser um pouco limitados. O ideal é chegar bem cedo. Há ainda a opção de pegar um táxi, que custa por volta de 8€.

Valores dos ingressos:

  • Fondation Claude Monet: adultos 9,50€ / crianças 5,50 € (menores de 7 anos não pagam)
  • Musée des Impressionnismes: adultos 7,50€ / crianças de 12-17 anos 5€ / crianças de 7-11 anos 3,50€ (menores de 7 anos não pagam)

Nos dois estabelecimentos é possível comprar um único ingresso válido para as duas visitas: adultos 17€ / estudantes 10,50€ / crianças de 7-12 anos 9€  (menores de 7 anos não pagam).

Endereço:

Fondation Claude Monet
84 rue Claude Monet
27620 Giverny
Tel : +33 (0) 2 32 51 28 21
contact@fondation-monet.com

Aberto ao público todos os dias até 1° novembro de 2018, das 9h30 às 18h.

Musée des Impressionnismes Giverny
99 rue Claude Monet
27620 Giverny
Tel +33 (0)2 32 51 94 65

Aberto todos os dias até 4 de novembro de 2018, das 10h às 18h.

Conheça Étretat e suas falésias douradas

 

Cidades próximas à Paris, Étretat

As famosas falésias de Étretat / Foto: Unsplash

 

Antigo vilarejo de pescadores, Étretat tornou-se no século XIX uma renomada estância balneária e é hoje um destino turístico conhecido internacionalmente. As belas falésias quase imaculadas – imortalizadas em pinturas de Monet e contos de Maupassant – ganham uma cor dourada ao entardecer, quando o sol se põe. Se você gosta de estar próximo ao mar e em contato com a natureza, não deixe de incluir essa bela cidade no seu roteiro.

Como chegar?

Pegue a linha de trem Paris-Le Havre na Gare Saint-Lazare, na direção Paris-Breauté-Le Havre. Em Bréauté tem um serviço de translado até Étretat. O passeio até as falésias pode ser feito a pé. Partindo do centro da cidade, basta andar até a praia.

Château de Chambord, o maior castelo do Val de la Loire

 

Cidades próximas à Paris, Castelo de Chambord

Castelo de Chambord, no Val de la Loire / Foto: Unsplash

 

O castelo de Chambord é uma maravilha da arquitetura medieval gótica, mas sua especificidade está na influência renascentista que pode ser observada nas linhas horizontais e na harmonia da distribuição dos volumes. Chambord é também o maior castelo do Val de la Loire.

A propriedade possui ainda um jardim “à francesa” e um parque reservado à caça, ambos classificados como monumentos históricos.

Como chegar?

Saindo de trem da Gare Paris-Austerlitz, desça na Gare de Blois. O trajeto dura em torno de 1h30 e um serviço de translado entre a estação de trem e o castelo é disponibilizado de maio à agosto.

Valores dos ingressos:

  • Adultos 11€
  • Tarifa reduzida: 9€
  • Grupos (à partir de 20 pessoas) 9€ cada

Menores de 18 anos e adultos entre 18/25 anos não pagam entrada (válido somente para residentes da União Europeia).

Horários de funcionamento:

O castelo abre todos os dias da semana, exceto no 1º de janeiro, na primeira terça-feira de fevereiro e 25 de dezembro.

Endereço:

Domaine National de Chambord
41250 Chambord
Tel : +33 (0)2 54 50 40 00

O misterioso Mont Saint-Michel

 

Cidades próximas à Paris, Mont Saint Michel

Vista do Mont Saint-Michel durante a maré baixa / Foto: Unsplash

 

O Mont Saint-Michel é provavelmente um dos conjuntos arquitetônicos mais bonitos do mundo. Situado em uma pequena ilha rochosa na região da Normandia, o destaque vai para a imensa abadia beneditina, localizada no topo do rochedo.

Outro destaque é o fenômeno natural das marés. O monte nada mais é que um rochedo que fica situado no meio de uma baía. Quando a maré sobe, as águas inundam a baía e o rochedo fica inacessível. Durante algumas horas ninguém consegue entrar ou sair do monte. Para quem quer fazer um bate e volta rápido, é importante checar os horários da maré.

Listado como Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO em 1979, o Mont Saint-Michel  recebe mais de 2,5 milhões de visitantes por ano.

Como chegar?

Na Gare Montparnasse pegue o trem TGV para Rennes e em seguida, o serviço de translado até o Mont Saint-Michel. Os ônibus param em frente ao centro turístico, que fica na parte continental do monte. Para entrar no monte basta percorrer a pé a passarela que liga o continente à ilha (7 km) ou pegar um dos shuttles que levam os turistas ao monte.

O trajeto completo de Paris até o monte dura por volta de 3h, mas vale muito à pena. O ideal é reservar um final de semana para explorar melhor as belezas do local.

Já conhece alguma dessas cidades próximas de Paris que eu citei? Se sim, compartilhe suas dicas nos comentários.

Glicia ♡

 

Leave a Reply